quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

61- encontro…


 

 
Nas artes perdidas das palavras
Invento quimeras, conquistas
Reinvento-me poeta
Escrevo em ti o desejo
Inscrevo em mim a sedução
Lanço nas ondas da manhã
Paixões perdidas na noite
Rumo a terra, porto seguro
Raio de luz que me guia
Na calma e aprazível
Baixa-mar, elevas-me
Conquistas-me,
No louco movimento,
Com que me  rebolas na alma
As curvas do teu corpo,
Perco-me nas palavras
Para me encontrar em ti!...
Alberto Cuddel®
Enviar um comentário