sábado, 20 de maio de 2017

Memória da alma!



Memória da alma!

Gravo na alma a imagem deste lugar,
Um lugar surpreendido pelo olhar,
Longínquo, perfeito, inacessível
Sonhado, desejado, inverosímil!

Esfera perfeita da ilusão
Não um qualquer lugar
Escanzelado e despido no olhar
Gravo as formas curvas das palavras
Gentilmente dedilhadas ao fundo
Sobre um futuro que anuncias
A vida, ai a vida,
Essa não são apenas borboletas!



Alberto Cuddel

Enviar um comentário